Chinelos são um bom negócio

Fabricar chinelos pode ser um ótimo negócio e uma oportunidade a ser explorada em tempos de crise para quem quer garantir uma nova fonte de renda ou complementá-la. Saiba mais sobre o assunto neste artigo.

Postado no dia em Mercado

Mercado

Todos sabemos como está complicado o cenário atual da economia em nosso país. É um momento de recessão, em meio a inflação e desemprego, sendo assim, muitas pessoas ficando desocupadas, precisando aumentar a renda ou tomar alguma atitude para ganhar dinheiro.

O que poucas pessoas percebem é a grande oportunidade. É a chance de ter um negócio próprio ou garantir renda extra: comercializar chinelos personalizados! Nós já falamos sobre este ramo de negócio em outros artigos, como este sobre chinelos personalizados para o verão e este sobre dicas de brindes para festas, lembrando também que para brindes corporativos em datas comemorativas, os chinelos também são uma ótima ideia!

chinelos-personalizados.jpg

Chinelos são mesmo um bom negócio? Qual é a margem de lucro?

Sim! São um ótimo negócio, veja só: O mercado de sandálias e chinelos vem crescendo a cada ano, pois são calçados utilizados no dia a dia do brasileiro, seja na praia, em casa, na piscina, nos dias quentes (ou seja, na maior parte do ano), além de lembrancinhas e brindes como já comentamos anteriormente. Chinelos são artigos de moda, são confortáveis e merecem atenção dos empreendedores, assim como já têm as dos consumidores.

O retorno do investimento tende a vir rápido e é possível trabalhar de sua própria casa e conciliar com outros trabalhos. Com uma fábrica de chinelos é possível produzir até centenas de pares em um só dia, tendo em mãos uma máquina profissional. O custo de material é baixo e é possível ter de 100% a 200% de lucro, dependendo do tipo de chinelo, finalidade e forma de venda que for feito.

E como iniciar um negócio de chinelos personalizados?

Não é difícil encarar um negócio nesse ramo, pois o investimento inicial é baixo, chinelos e sandálias já fazem parte do consumo dos brasileiros e há diversas maneiras de trabalhar com a forma de venda, considerando diferentes públicos-alvo, finalidades e segmentos.

O investimento inicial para o negócio envolve a compra de materiais, a máquina de fabricar chinelos, a matéria-prima, ou seja, a borracha em EVA, as tiras e a máquina de estampar, que junto a um computador e impressora dão vida à personalização das peças.

Mesmo sendo um bom negócio e com muitas chances de trazer ótimos resultados, todo negócio necessita de um planejamento. Utilize da internet para realizar pesquisas, estudar, buscar informações e referências sobre o mercado para iniciar o negócio com bastante cuidado e cautela.

No início nem sempre será fácil, mas se você persistir e levar seu pequeno negócio a sério, buscando maneiras de se manter firme no mercado, certamente os resultados aparecerão e trarão mais energia a você para continuar prosperando.

Quer mais ideias ou uma ajuda para o seu negócio de chinelos personalizados? Clique aqui e entre em contato conosco, nós podemos te ajudar.

< Voltar

Leia Também